domingo, 1 de dezembro de 2019

Dezembro - mês da São Silvestre

O mês de Dezembro é mês de São Silvestres.

Cada cidade tem a sua, chegando mesmo a haver mais que no mesmo concelho, como por exemplo em Famalicão. Naturalmente que coincidem umas com as outras.


No ano passado fui à São Silvestre de Espinho. Este ano, 2019, não vou.

A t-shirt até é bonita, mas o problema é o resto. Um percurso feio, desinteressante, a duas voltas, sem calor humano exatamente igual ao ano passado. A medalha foi muito feia, sem qualquer ligação à cidade nem a nada.
A organização da Atletas.net, que além de não ser das mais baratas, limita-se a dar apenas uma maçã no final. Representa os defeitos das "empresas" organizadoras.

Por isso, decidi experimentar a São Silvestre de Ovar.
Nesta edição e depois das inúmeras críticas do ano passado, mudou de organizador. Os patrocinadores e o preço acessível prometem uma boa prova. Só no dia se verá. Tendo em conta o elevado standard da Corrida do Azulejo, tenho expectativas elevadas.

domingo, 28 de julho de 2019

Team Strada

Sobre o meu ultimo post, estalou o verniz com um dos Youtubbers/influencers que afinal têm ... agentes, como os jogadores de futebol.
Nem sabia que também havia agentes no meio.

Houve um beijo na boca num programa de TV, o que despertou a curiosidade para o mundo "Team Strada" e o que veio a seguir foi surpreendente. O vídeo do papel higiénico é infeliz, mas levanta muitas questões:
- Qual o papel dos pais?
- Os reguladores? O proprio YouTube?
- Mais grave, não será este mundo dos influencer uma ilusão para os adolescente que estão dispostos a tudo por mais uns likes?

domingo, 30 de junho de 2019

Redes sociais coscuvilheiras

Esta semana procurei por um hotel em Madrid e o Google sugeriu-me o booking.com.

Passados uns minutos fui ao Facebook e na publicidade entre os post dos meus "amigos" apareceu publicidade dos hotéis que andei a ver. De repente senti-me observado pelo Facebook!

Curiosamente, volta e meia faço compras on-line num site de uma conhecida marca e quando vou a outros sites, por exemplo, aparece sistematicamente publicidade a essa marca.

Faz sentido o Facebook expor-me a marcas/sites através de uma pesquisa que eu fiz fora dessa rede social? Faz sentido a marca dar informações minhas aos algoritmos do Google e expor-me a publicidade fora do site dela?

Já dei por mim a pensar sobre o que significa as app's e os sites que "permitem" que façamos o login com o Facebook. Na verdade não são eles que nos estão a fazer um favor, mas nós que estamos a fazer um favor às marcas/app's. Através do Facebook podem saber tudo o que quiserem da nossa vida: onde estivemos, quão populares somos (pelo nº de amigos, tag's ou fotos), o que pesquisamos, de onde somos, quantos likes e em quê colocamos. Através dessas informações, permitem às marcas estudar perfis e orientar a publicidade para o público alvo de forma mais eficaz, bem como aumentar o sucesso da partilha das suas campanhas e o brand recognition.

Passamos a ter além de vizinhos cuscos, redes sociais e app's cuscas que querem saber tudo sobre a nossa vida e os nossos hábitos.

terça-feira, 25 de junho de 2019

As perguntas sobre as férias

Há os galos da capoeira que nos perguntam pelas nossas férias apenas e só para contar as deles, com todos os pormenores e mais alguns?

O que gostaram, o que não gostaram, o que comeram, o sol que apanharam, etc. 

A nossa participação na conversa cinge-se aos 20 segundos da primeira resposta que essa malta nos deixa falar.

quinta-feira, 20 de junho de 2019

Trilhos de Espinho 2019


Sábado foi dia de trilhos de Espinho.

Como diz o vídeo do JN, afinal Espinho tem monte e não só praia.
Os trilhos são pelas freguesias do concelho. Começa e acaba na nave desportiva de Espinho.
Passa-se por muito pinhal, estrada, corta fogos das auto estradas, mas pouco rio.

O trajeto inclui Anta e obriga a passar por debaixo da A29 por um túnel, indo a Guetim, Altos Céus, Oleiros e regressa por Silvalde. A parte mais complicada é após o primeiro abastecimento, onde começam as subidas na zona da Cavalinho até Oleiros.

No fim, houve um abastecimento dentro do normal, com sande de porco e prémios da Prozis distribuídos aleatoriamente.

Foi uma tarde bem passada, onde se permitiu conhecer o outro lado do concelho de Espinho. Estava muita gente com o Running Espinho muito bem representado. Fiz os 14km, embora a app tenha registado 15, 23 km :) em apenas 2 horas.

Superei-me a mim próprio!

domingo, 5 de maio de 2019

Medalhas ou brindes

Uma questão fraturante: no final das provas preferem medalhas ou brindes?

Há quem coleccione medalhas. Fica para memória futura. De recordação. Há quem tenha um expositor ou uma caixa com aquelas que foram agarradas com tanto esforço e cansaço ao fim de n quilómetros :)
Há quem prefira os brindes pelo caráter prático dos mesmos. Podem ser usados nos treinos e no dia a dia, ainda que com a publicidade atrás.

Pessoalmente prefiro os brindes. Não tenho grandes ligações sentimentais a medalhas. No Trail do Ave deram um buff que eu ainda uso. é uma forma de reforçar o equipamento de treino :)

sábado, 13 de abril de 2019

Corrida Milionária


Inscrição feita na Corrida Milionária organizada pelo Running Espinho.

Trata-se de um conceito inovador, pelo menos por estas bandas.

Uma espécie de preço certo, com muitas marcas envolvidas em que valor da inscrição (os normais 10/11 €) são devolvidos em descontos na Prozis (compras superiores ao dobro da inscrição) e na Sport Zone (desconheço o valor).

Confesso que conheço bem o percurso e que a motivação e sobretudo os prémios, mas abre um precedente para futuros eventos. Hoje em dia já há tantas corridas e tão próximas umas das outras que começa a ser complicado escolher.
A corrida milionária traz a cenoura da Prozis.

E atenção que a três meses já há 1.100 inscritos: isso quer dizer a Prozis já deve ter faturado uns 10.000 Euros líquidos de desconto.

domingo, 7 de abril de 2019

Sem trails em Abril



No ano passado, em Abril fui experimentar a caminhada dos Trilhos Termais nas Caldas de São Jorge.


Infelizmente, estava de chuva.
Piso escorregadio, lama,  algumas descidas perigosas (e até inseguras a meu ver) e o cair da noite não me deixaram grandes recordações. Valeram as gomas e os chupas chupas no final da prova.

Este ano e apesar da muita publicidade feita no Facebook, não me inscrevi.
E fiz bem. Ontem chovia a potes e seria confrontado com tudo aquilo que tenho receio num trail.

Este mês, não vou a nada. Em Maio, ainda fui cuscar o Trail dos Pernetas mas já achei caro quando vi. Conto ir ao Trail do Ave, mas só dia 21 / Abril decido se me inscrevo. Depende do estado do tempo.

domingo, 24 de fevereiro de 2019

Publicidade sem ir correr

Na Maratona de Sevilha, alguns famosos publicaram e republicaram fotografias com os tags da New balance.

Porém, soube entretanto que alguns não foram correr. Foram apenas promover a marca e a si próprios com viagens e estadias pagas.

Não percebo a motivação desta gente e das marcas em que querer fazer uma coisa parecer aquilo que não é... A Maratona é uma prova muito dura, muito exigente e só para os fortes. Não é para o Instagram nem para estas promoções vaidosas.

sexta-feira, 15 de fevereiro de 2019

O sono depois da corrida

Esta 3ª feira foi dia de treino, como habitual.
Uma boa dose de subidas deixaram-me bem cansado. Quando cheguei a casa, preparei o almoço do dia seguinte e ... cama. Exausto. Dormi que nem uma pedra. :)